A testosterona é muito importante para saúde de homens e mulheres, já que é o hormônio responsável por aumentar a sensação de bem-estar, além de ajudar a desenvolver massa muscular magra, aumento da libido e prazer sexual.

Importância da testosterona

O corpo humano precisa de nutrientes específicos para produzir as quantidades necessárias de testosterona. Este hormônio funciona de forma independente com relação a outros hormônios para manter a saúde ideal, e a melhor coisa é que a testosterona pode ser aumentada naturalmente.

Por mais que a testosterona esteja relacionada aos homens, a mesma é igualmente importante para as mulheres. À medida que você envelhece, o nível de testosterona produzido naturalmente pelo organismo pode diminuir, mas também podemos adicionar fatores ambientais, como exposição a drogas com estatinas, herbicidas, entre outros, que diminuem a produção desse hormônio.

Para os homens, um baixo nível de testosterona está relacionado a aumento da próstata, perda de cabelo e alguns tipos de câncer, além de ser importante para melhorar o  desempenho sexual.

As mulheres, por natureza, têm níveis mais baixos de testosterona, já que seu corpo é mais sensível a esse hormônio e sua saúde depende do equilíbrio entre progesterona, estrogênio e testosterona.

Para produzir testosterona, o corpo precisa de muitos nutrientes diferentes, e o zinco e a vitamina D3 estão entre os mais frequentemente necessários. É possível aumentar os níveis de testosterona através de uma dieta rica em nutrientes. Confira alguns desses nutrientes e alimentos, a seguir.

Como aumentar a testosterona através da alimentação

zinco

O zinco é um mineral essencial que está presente apenas em certos alimentos, tais como sementes de abóbora, chocolate amargo, alho, sementes de sésamo, sementes de melancia, de gérmen de trigo, sementes de abobrinha, grão de bico, entre outras e seu baixo índice resultam em alguns sintomas associados a alergias ou aumentam o nível de sensibilidade a reações alérgicas entre inúmeros outros processos que enfraquecem o ótimo funcionamento do corpo.

Azeite

O azeite extra virgem é um poderoso concentrado para aumentar a testosterona, aqueles que o consomem diariamente observam um aumento entre 17 e 19% nos níveis do hormônio em um período de aproximadamente três semanas.

Ostras

As ostras são conhecidas no mundo como um alimento que aumenta a libido, porque elas têm altas concentrações de zinco, da mesma forma, podemos citar as anchovas, sardinhas, salmão selvagem e castanha de caju.

Coco

O coco é uma fonte saudável de gordura saturada, o que ajuda a uma maior produção de hormônios. O coco ajuda o corpo a produzir bom colesterol, reduzir a gordura corporal e manter o peso, sendo esta uma forma de melhorar a produção de testosterona.

Outra opção é a Sementes de abóbora que também podem ser incluídas na dieta, limitando seu consumo a uma colher de chá por dia.

Proteína

As carnes magras, ovos e peixe, possuem diversos nutrientes e são essenciais para hipertrofia muscular, controle dos níveis de hormônios e fontes de vitaminas.

Com uma dieta equilibrada e saudável é possível melhorar os níveis de hormônios em nosso organismo, como exemplo, a testosterona, além de alcançar objetivos como  perder peso e hipertrofia.